terça-feira, 21 de maio de 2013

Dia das decisões



Estádio da Luz esgotado , bem como a Mata Real. O Benfica estava a 1 ponto do líder . Tinha de esperar que este perde-se/empata-se e conseguir uma vitória.
Parecia que a águia Vitória se apercebia do que iria acontecer. Voou em direção a Avenida da Lusíada, não dando a habitual volta ao estádio, onde ,por norma, pousaria no Emblema.

Na Mata Real , as equipas  ainda não tinham entrado em campo , enquanto na Luz , Tacuara pisava o esférico a espera do apito incial. Este teria de ser ao mesmo tempo. Estava em jogo o Titulo de Campeão Nacional.

Jogos Iniciados. Na Mata Real , o primeiro sinal de perigo é para o Porto através de um remate de João Moutinho .Logo de seguida  por El Comandante. Enquanto na Luz , era o Moreirense quem dava nas vistas através de Ghilas. Sem duvida que o FC Porto parecia estar bem no jogo. Um Benfica muito em baixo emocionalmente, devido aos últimos 2 desaires.

Aos 22 minutos , inicia-se a festa Portista em Paços de Ferreira. Penalty assinalado sobre James Rodriguez e expulsão de Ricardo. Falta duvidosa, a existir é fora de área. Lucho converte ,1-0 para o FC Porto. As coisas estavam complicadas para os lados da 2ªa Circular.

Na Luz , era o Moreirense quem continuava a dar cartas. Com uma exibição taco a taco frente ao Benfica. Minuto 43 Golo do Moreirense através de Vinicius. Era o inicio de um sonho para a equipa de Moreira de Cónegos, que com este resultado conseguia a manutenção.
Acabam as primeiras partes de ambos os jogos. Com estes resultados, o Porto era campeão e Moreirense conseguia a Manutenção.

http://4.bp.blogspot.com/-QrjOC_aX_Eo/UYy6kwd3CpI/AAAAAAAAUto/B20Z4K_0nDg/s1600/visaodemercado.pngIniciam-se os 2ºs 45min em ambos os estádios. Cardozo marca para o  Benfica de cabeça aos 50 min.  Logo de seguida mais 3 oportunidades de golo flagrantes para o Benfica. Entravam com o que lhes faltou na primeira parte. Ambição.

Aos 52 min o FC Porto faz mais um golo. Desta feira por Jackson Martinez. Seguida de uma expulsão de Danilo por acumulação de amarelos. Um 0-2 para o FC Porto , mas agora a jogarem com 10 de cada lado.

Lima dá a vantagem ao Benfica ao minuto 80 ,selando a vitória aos 90 ‘3. De nada adiantava. O FC Porto era Tricampeão Nacional.

Ricardo Costa

Sem comentários:

Enviar um comentário